quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Chute na trave. Mas foi um belo lance!





Temperaturas frias aqui em Sampa.

Mas estou bem.
Cheia de novidades...com a cabeça a mil por hora....pensando em outras coisas...em novos projetos.
Pensando em como minha vida vai mudar muito em breve...pensando em como isso vai me fazer bem...e como isso vai mudar quem eu sou.
Tão perto e tão longe...impossivel (ainda) não pensar assim.

Re-ativei o meu blog fotográfico.
Já estou com meu novo cartão em mãos. \0/ E ficou lindo demais!!!
Estou começando uma nova fase..nova etapa.

Tem muita coisa que "de repente" começou a andar. E acho que estou sendo mesmo é presenteada por Deus...pela vida...sei la. De um lado triste..mas de outro...vislumbrando novos horizontes.
Pessoas novas...projetos...rumos...caminhos...

Coração fotográfico teve uma boa noticia ontem. Fiquei feliz...um sorriso grande se abriu...e meu coração saltitou.


Bola pra frente.
Foi mais um chute na trave.
Mas isso não significa que será assim pra sempre.

Descobri também que existem coisas que simplesmente não se completam. Descobri que algumas coisas a gente só enxerga mesmo quando está de "fora da situação". Fico olhando...observando...lendo e ouvindo...e vejo que realmente...algumas coisas não se completam.

Hoje visitei o Tanto Limão e achei este texto.
Sim...todas nós chutamos na trave...mas UM DIA o gol vem!
E mesmo o chute na trave..é um belo momento. O "quase gol",a torcida gritando...e a certeza..que estamos no caminho certo....
Na traveeeee.

E pra encerrar....ainda descobri em outro blog...que mulher é mesmo tudo igual!
Sim somos iguas! Intensas...loucas...divertidas..doidas pra viver um grande amor...independentes...carentes..e por ai vai...a lista é gigante.
MAS somos sim todas parecidas...principalmente quando se fala de amor.
Visitem: ATÉ ONDE VAI.

Show do Teatro Mágico chegando...24 e 25 de outubro.
Tantos planos tivemos pro nosso 1ºshow juntos. =/

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Chega né?




E é assim.
Os dias vão passando...
Os sentimentos vão ficando ali...parados..pesando...e um dia a gente acorda e pensa: Cansei de carregar esse peso!

E eu que sou intensa por natureza.... quero viver livre...feliz...e leve....to cansada do peso.
Cansada de ficar pensando que eu poderia ter feito diferente, que eu poderia ter não dito isso ou aquilo...que eu poderia nao ter feito isso ou aquilo...
Cansada de ficar imaginando como seria. Como estaria.Como eu sentiria.Como sentiriam hoje ou amanha.
Não deu. Não foi. Não aconteceu.
E quer saber? Já deu né?

Dizem que a gente precisa de um tempo pra "amar a dor". Que quando algo triste acontece...a gente precisa de um tempo pra nós....de "luto" com o sentimento.
Ok. Meu tempo com a tristeza acaba aqui.
Passou.

Gostar é bom. Gostar é lindo.Gostar é ótimo.
Ter alguém...pra compartilhar..pra pensar...pra planejar e sonhar...é uma delicia.
Quando correspondido é perfeito!

Mas quando a coisa não acontece pra um dos lados...nao adianta ficar aqui martelando...pensando...martirizando e sofrendo.

To liberando meu pensamento e meu coração...pra coisas novas.
Obvio que não é assim fácil.
Mas eu vinha nos ultimos dias...simplesmente gostando de sofrer. Gostando de procurar motivos e fatos pra me machucar.
E isso é loucura! Não sou eu!

Quero de volta a pessoa que eu era.
Descobri hoje no meio de pensamentos solitário o quanto não fui eu em alguns aspectos.
Descobri o quanto me deixei simplesmente levar...e me perdi.

Quero de volta a pessoa que ele conheceu a meses atrás.
Ela sim...ela sou eu.
Ainda intensa...ainda emocional demais...mas segura...cheia de idéias...independente.
Infelizmente ele "conheceu melhor" só meu lado passional...
Por algum motivo ainda obscuro ( e é isso que me faz pensar seriamente na terapia) eu não fui eu por completo.

Mas a vida é isso ai.
Errando...aprendendo...levantando....e seguindo adiante.

Nós?
Sim existe ainda.
Eu de volta a mim mesma...e ele...de volta a ele mesmo.

O que restou? Boas lembranças e afeto.

sábado, 26 de setembro de 2009

"Meu mundo...e nada mais."

Sem nenhuma vontade de ir trabalhar hoje.
Nenhuma.

E o dia amanheceu com sol.
Lá fora pelo menos....
Aqui dentro...Bom aqui dentro as coisas estão tomando seus lugares....acomodando dentro de mim...aquietando.

Logo fico bem.
Eu sei.

Ando vivendo situações surreais.
Tudo que envolve "esse assunto" é surreal...porque em outros tempos....se eu fosse hoje...como eu era à um tempo atrás.
Deletar...Bloquear.....Esquecer...Recomeçar.
Nada disso seria um problema.

Hoje?
Sigo como se não houvesse histórico no meu msn...nem no meu outlook...nem na minha memória...nem no meu coração.
Sigo fingindo como se nada tivesse acontecido...ou pior...como se tudo o que aconteceu...não fosse importante.
E é importante.E me marcou.E foi bom.
Tenho fingido...é fato.

E todo dia quando leio "Meu mundo...e nada mais."
Acho profundamente triste.

E dói...por mim e por ele.
E penso...em nós.

Será que a saudade só existe mesmo do lado de cá??
Incrível!!


Tudo muito estranho.
Até mesmo pra mim.

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Saudades

Hoje acordei com meu coração apertado.
Apertado de saudade.
Saudade mesmo...dessas pra valer.
Saudade de coisas bobas...saudade de coisas ruins...saudade de "angustias" ...saudade de borboletas no estômago.rs

Saudade.

E ela permaneceu comigo.O dia todo.
Mas não é uma saudade que dói. É só saudade.
Aquela saudade que faz o coração menorzinho...mas também o aquece com as boas lembranças.Saudade de coisas que deixei de dizer...e saudade de coisas que disse...e ouvi e li.
Saudade só.

Hoje li uma frase que fez todo sentido pra mim:

"Como pode? No silêncio, tudo se explicar?!"

E eu fiquei pensando nela.
Junto com a minha saudade...está meu silêncio.
Ando contida.Falando pouco com as pessoas...dizendo pouco...contando menos.
Mesmo porque...não há muito o que dizer.
E nas palavras que não disse...e não ouvi..tenho entendido muita coisa.

Quando nos silenciamos...escutamos melhor o que o nosso interior tem a dizer.
E as vezes escutamos no silêncio do outro...muita coisa também.

Eu tenho conversado muito comigo!
E sim....tudo tem feito tanto sentido.
Hoje pensei muito...em muita coisa...não apenas no meu coração...mas pensei em ações que já tomei...outras que vou tomar em breve...outras que não deveria ter tomado..rs
Conversei...eu comigo mesma.

E foi esclarecedor.Duro...mas esclarecedor.
Acho que preciso de terapia.
Não riam! É sério.
Eu que sempre disse que o blog era minha terapia gratuita...me vejo repensando isso.
Quem sabe?

E sim...o silêncio tem me esclarecido coisas.

Saudade...
Silêncios...
Afetos...
Sonhos...

Só um lembrete ao meu coração:"Eu penso em você...e você pensa em mim."


quinta-feira, 24 de setembro de 2009





Tá.
A vida segue.

Depois do fim de semana...que eu achei que poderia ser o fim...mas também o começo de um novo ciclo.
Descubro por meio de uma outra pessoa..que não.
Não era o começo de nada.Era apenas o fim mesmo.

É estranho. No meio de uma conversa tensa...e (pra mim) reveladora...eu achei que pela primeira vez estávamos nos entendendo...e sendo honestos.
E de repente eu descubro que não!
Ele falou...eu nao entendi. Eu falei...e ele nao entendeu.
Por que a gente nunca se entende?? Incrível!
Por que sempre existem ruidos na nossa comunicação?

E ele que nessa conversa por 3 vezes disse que seria "homem o suficiente" pra isso e mais aquilo...acabou mandando recado pela amiga.
Ai ai.

Onde foi que eu perdi a parte do ACABOU?
Onde eu entendi que estávamos dando uma pausa pra reflexão...e ele entendeu que tinha acabado.
Ok...acabado algo que nem começou.
É devo ser louca mesmo.

E ontem...lá estava eu...de novo..chorando sem entender o motivo das coisas...o motivo da falta de sentimentos...sem entender onde foi que eu perdi o afeto que ele dizia existir.

À um tempo atrás eu falei aqui da dor de bater o dedo numa quina de mesa.Na época eu estava chateada com um acontecimento bem específico e quase sem importancia sentimental...mas que me chateou bastante.
HOJE cá estou eu de novo...com aquela dorzinha de novo.
A diferença é que dessa vez...tá doendo mais.
A diferença é que dessa vez eu realmente (por mais maluco e absurdo que isso possa parecer) acreditei que tinha achado!
Sim..com suas neuras..problemas..distância física..
Pensei mesmo que era possível fazer acontecer. Pensei mesmo que era recíproco.
Pensei que o que eu sentia quando estávamos juntos...era vivido por ele também.
E agora ouvir que "eu não sou o que ele imaginava que eu fosse"...como assim?

Ser intensa virou tema de conversas. Virou tema de "discussões".Virou tema de conversas dele com amigos.
E enfim...virou o motivo de porque não damos certo.

No meio de tudo isso...ouvi de uma amiga: "Melhor ser intensa que ser insossa".
Na hora...nao me dei conta do que isso significava. No meio da noite sim.

É isso.
Sou sim intensa...gosto de ser.
Gosto de gostar...gosto de amar..gosto de viver todo dia como se fosse o último...gosto de demosntrar o quanto estou feliz...ou triste..gosto que o outro saiba o quando é importante prá mim...gosto de me fazer presente na vida das pessoas que eu amo.
Melhor ser assim...que passar pela vida sem grandes sentimentos e emoções.
Sem ter o coração batendo forte...sem ter planos pro futuro.Sem ter respiração acelerada.Sem ser surpresa...e sem ter surpresa.

Não vou negar...depois de tudo isso, descobri que essa pessoa era mesmo rara.E importante pra mim. (amigas por favor nao me apedrejem).

Raro por coisas que só nós sabemos...por papos que só nós entendemos...por risadas de coisas que só a gente acha graça..por beijos que só a gente sabe como era...raro por termos nossos conflitos e diferenças...mas sempre acabarmos nos entendendo e rindo da vida.
Raro por ser enquanto pôde e da maneira estranha dele...a mão que segurou a minha.
Revendo os dias que passaram descobri que (pelo menos pra mim) tivemos sim bons momentos mesmo dentro dessa "gaiola das loucas".
E sim...foi bom.

E sim...eu viveria tudo outra vez (como cantaria o Rafa).

O título desse post? Não sei.
Hoje não sei.
Poderia ser ADEUS....mas hoje eu ainda prefiro um Até Breve.


Ta confuso esse post? Não ligo.

O blog volta a ser publico. Tinha mudado em respeito a ele.E a nós.
Agora já não faz sentido.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Ciclos




Chove em Sampa.
E está frio.

Hoje já é terça...
Fiquei pensando sobre o que escrever do final de semana.

Encontros...
Reencontros...
Beijos ...abraço apertado...mãos dadas...olhos nos olhos...
Festa,boa música,risadas..
Velhos amigos...novos amigos...
Chuva fina e conversa séria.
Afeto.
Descobertas...segredos...cumplicidade...palavras duras..muita vontade de chorar...muito riso também.
Fim.
Início.
Ou não....
Foi assim.

Depois de tudo isso.

Amiga querida.
Muita risada...abraço apertado.
Cumplicidade..
Amigo amado.
Mais amigos reunidos.
Mais boa música.
Abraços apertados..saudade sendo exterminada...
Muita risada. Abraços e mais abraços.


Bom se sentir querida.Se sentir especial.
E por mais estranho que tudo possa parecer foi um bom final de semana.

Encerrando ciclos.
Quero o que a vidad tem de melhor...pra mim e para nós.

E que venha...uma nova fase. Um novo tempo.
Uma nova manha. :)

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Choro




E eu chorei....chorei...chorei.
Choro que estava aqui entalado a dias.....

Chorei por coisas que eu vivi. Por coisas que senti.Por coisas que absorvi.
Chorei por sentimentos que eu tive...por sentimentos que não me retribuíram...
Chorei pelo sentimentos retribuidos tambem...
Chorei por momentos que vivi e sinto saudade.
Chorei por coisas que pensei que ia viver e hoje sei que não vou.
Chorei porque não entendo como funcionam as coisas na vida.
Chorei pela dor da morte e pela dor da vida também.
Chorei porque não estou onde eu queria estar...e talvez se eu estivesse tudo seria mais fácil...ou não.
Chorei porque tudo que termina é triste....
Chorei porque notei que talvez nada tenha começado pra valer.
Chorei porque fico me sentindo incapaz...atada...perdida.
Chorei porque fico pensando: Será mesmo impossível alguém me amar? Simples assim...
Me amar...
Chorei porque me sinto assim.Só.

E sim...estou sendo egoista. Não estou pensando no outro lado.Nao estou pensando no que dói ali no outro coração.
Ando cansada de sempre pensar no outro...em sempre desejar que o outro esteja bem...em sempre querer me fazer presente...pra dar afeto...pra apoiar...pra fazer diferença..
Quero sim dar tudo isso...mas quero sentir também.
Estou sendo egoista pela primeira vez nesse tempo todo...e sei que talvez não seja o melhor momento pra ser egoista..
Só que estou cansada...

Tudo que eu li hoje...me fez ver que não será possível. Não me cabe ali.
E nem me querem ali.
Falta espaço...falta vontade...falta desejos..falta sentimentos...falta.


Chorei...e tá doendo.
E eu to aqui...pensando...e agora?

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

É?

E eu noto...que algo esta quebrando.

Partindo ao meio.
Será coisa da minha cabeça?

O que eu sinto....ainda sinto.
Mas ando sentindo coisas ruins e tristes também. =/

Todo fim é triste?

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Um monte de coisas...e nada.





Hoje acordei e logo cedo minha mãe me perguntou algo que não soube responder.

Primeiro disse com convicção: Sim!
Depois pensei melhor....e disse: Não...acho que não.
E avaliando melhor...cheguei a conclusão que não sei definir!

A pergunta era simples: Você está feliz?

Tempos atrás eu falei sobre felicidade aqui...e eu dizia que é complicado definir felicidade. Que eu acreditava em "momentos felizes" que acabam compondo...a felicidade.

Tenho tido momentos felizes. Únicos.Mágicos.Raros.Perfeitos.
Em várias áreas diferentes...não estou falando apenas de coração.
Tenho tido momentos que tem marcado meus dias...momentos que tem me feito sorrir como a tempos não sorria...
Tenho vivido coisas diferentes...e tenho feito uma revisão da minha própria personalidade.
Amadurecendo talvez...
Mas nao consigo afirmar que estou feliz.
Algo me prende. Essa afirmação seria a conclusão de quem tudo está como eu gostaria que estivesse...o que é mentira!.
Então não estou feliz?
Tambem nao posso afirmar isso...pois seria injusta com os bons momentos vividos.
Ainda não me sinto pronta para responde-la com convicção.
Portanto...deixo aqui a pergunta em pausa.

Uma amiga...a Mari viu uma foto no meu orkut...e deixou o seguinte comentário: Que entre ele e o céu permaneca você!!!
E desde que li...tenho pensado nisso.
E pensado no que tenho vivido nesse aspecto da coisa...
Importante mesmo é não me perder...de mim mesma.
Gosto da minha essência...da minha natureza intensa...gosto do que ofereço ao mundo.
Dosar.Ajustar. Encaixar.Alterar.Melhorar.
Mas nao me perder.Isso basta.

Hoje falei com uma amiga queridissima...e me fez tão bem. Só ela entende exatamente o que eu quero dizer mesmo quando eu não digo.
Só ela é tão louca quanto eu...e acha isso normal.
Só ela consegue me fazer rir...quando eu to pensando seriamente em chorar.
São 16 anos juntas...sim ela me conhece.Muito bem.
E ela me fez acreditar...que tudo vai ficar bem.
Ela me fez crer que no meio de tudo ainda existe uma luz no fim do túnel.

E eu ri...quando ela disse que o marido dela a chama de Vani.
rs
Recentemente fui comparada à ela também.
Vani é meio louca...mas é transparente,apaixonada,sensível,divertida e muito autêntica.Intensidade a mil por hora.
É...acho que tanto o administrador...como o marido da minha amiga...estão certos.
Somos assim mesmo.

Ainda existem coisas que não entendo no comportamento do administrador.
Mas que eu decidi não querer entender.
To desapegando das minhas angustias e questionamentos.
E me apegando apenas ao que me faz bem.
e ele tem me feito bem.
Fato.


Quero apenas....seguir junto...de mãos dadas...calmamente...pro futuro.
É pedir muito pra vida?


Ontem....tudo o que eu mais queria era um abraço apertado.
Afeto e carinho.
Só.
Familia é uma coisa complicada...

Hoje? Muitas coisas independente dele...me fizeram feliz.
E isso bastou.

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Frase.

"Dê a quem você ama asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar!"


É.
Pois é.

Achei que tinha a minha cara com o adminsitrador.
E por incrível que pareça...concordamos!!
Ele também gostou.


Asas pra voar.
Raizes pra voltar.
Motivos pra ficar.

Tenho muita coisa pra falar...tenho pensado muito.
Muito mesmo.
Não por falta de trabalho...muito pelo contrario mas ando tendo insonia!
Justo eu...que sempre dormi muito bem.

E durante a noite...tenho pensado. Em muita coisa.
Mas hoje estou cansada.
Não vou conseguir digerir o que pensei...e expressar em letrinhas.

Tenho me sentido estranha.
Tenho tido dias estranhos.
Pensamentos que nem parecem meus.Sentimentos que não sei se são meus.
Revendo algumas coisas que antes eram certezas pra mim.


Só tenho considerações:

Falei com meu amigo de POA hoje.E isso me fez muitoo bem. Como sempre.
Papo...papo...e papo.
Sobre tudo...e sobre nada.
E sempre faz todo o sentido.

O celular tocou.
Surpresa boa!
Como sempre é.
Ouvir a voz de quem a gente gosta...sempre faz diferença no dia.

Noticia boa ao meu coração fotográfico.
Feliz,feliz com uma noticia vinda do Vale. :)

Show do Teatro Mágico mes que vem.
E eu vou!
Saudade de fila.Saudade de gente rara.

E hoje é só.

sábado, 12 de setembro de 2009

Pernas pro ar??


Quem vem aqui sempre..deve lembrar da angustia que sempre senti com coisas mal resolvidas.Com situações onde não sei onde estou pisando.
Quem vem aqui...sabe que odeio montanha russa...que odeio gangorras...e esses brinquedos instáveis.
Coisas fora do "lugar" em algumas áreas sempre me angustiaram muito...

Pois é.
Mas tenho aprendido muito nos ultimos tempos.
Tenho aprendido que as coisas nem sempre são como a gente quer...mas que isso não significa que são ruins.
São diferentes.
As coisas podem estar viradas de ponta cabeça...e serem boas e divertidas.
As coisas devem ser vistas por outro angulo de observação.

Tenho aprendido muito com o administrador...
Mesmo quando ele não fala...aprendo algo.Com o comportamento dele...com o modo que ele age...e se comporta. Um jeito diferente de tudo que eu considerava "normal".
Tenho mudado meu jeito de encarar as pessoas...e mudado um pouco meu jeito também por conta dele.
Acho que esse convivio tem me feito bem...espero fazer bem à ele também. E que ele tambem possa aprender algo comigo.


Ontem foi um dia estranho.
O evento que participei correu muitooo bem, mas também houveram coisas estranhas.

O mundo enlouqueceu? As pessoas entram em surto de repente..e EU tenho que administrar isso assim?
Foi estranho.
Mas ouvi...entendi...até me senti lisongeada...mas não é o que quero.
Realmente estou feliz com a situação que estou vivendo...e não quero "trocar",nem testar coisas diferentes...
A minha "situação" não é definida...mas estou feliz. Estou bem.Como a tempos não me sentia.
E quero viver isso.Assim...dessa maneira única que temos vivido.
Se não der em nada...saberei que tentei.E terei lindas lembranças.
Não entendo como as pessoas podem achar normal...esse papo de cada dia ter um alguém.
Não sou assim.
Mas que foi bem estranho lidar com isso. Ah isso foi!

Hoje...surpresa linda ao meu coração.
Aliás hoje foi o dia de boas surpresas.
Já disse que adoro os meios de comunicação?
Viu? Eu esperando ontem uma coisa...e nada.
Mas hoje ganhei algo melhor!
Ponta cabeça...tudo de ponta cabeça. \0/


A noticia triste é que uma pessoa que eu gosto muitooo perdeu uma grande amiga.
Perder alguém é sempre triste....e quando a morte vem prematuramente (do nosso ponto de vista) a dor parece ser ainda maior.
Fica aqui meus sentimentos...meu carinho...meu afeto.


Hoje a Fer casa! Alias deve estar casando nesse exato momento.
Meu coraçãozinho está aqui tristeee demais por não dividir com ela esse momento mágico.
Pessoas que eu amo estão lá...
Só posso desejar TODA a felicidade do mundo a ela.Que essa nova fase da vida venha cheia de bons acontecimentos..muito amor...muita cumplicidade e muito afeto.

Era pra eu estar lá. Se tudo estivesse dentro do "esperado" na minha vida...
Mas está tudo de pernas pro ar...então...estou em casa.
Trabalhando :)

E é isso.
Por hoje.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Tempestade de pensamentos

Ontem eu li algo que realmente mexeu comigo.
Li,reli...digeri. E fui em frente.
Mas perdi o sono...e fiquei na cama pensando. O texto falava de mim...e detestei o que li. Detestei como me enxergam...detestei ter essa postura perante algumas pessoas.
Fico tentando me entender. Tentando entender de onde vem "aquela pessoa" descrita no texto.
Eu sei quem sou.Sei o que quero.Sei o que gosto.Sei o que não me agrada. E até então eu pensava que sabia lidar com o próximo.
Foram quase 10 anos trabalhando com RH.Avaliando pessoas...percebendo..analisando..elaborando perfis.E de repente me vejo...não sabendo lidar com pessoas!!
Perdendo sinais valiosos ditos nas entrelinhas.

É...detestei o que li.Fiquei brava comigo mesma...e fiquei triste por saber que aquilo que eu li...talvez seja mesmo eu me mostrando pro próximo.

O conteúdo de modo geral não era ruim.
Mas a parte onde fui "descrita" realmente me assustou.
O bom de saber o que pensam a nosso respeito é que temos a chance de mudar.
Hora de rever conceitos.

FALTA que meu amigo de POA faz. Muita mesmo.
Torpedos não me satisfazem mais.Quero papo no msn.Quero papo na varanda (rs), quero ele aqui em Sampa pra tomar sorvete.

Saudade também de falar com ELE.Falar não...de ver. Estou precisando olhar pra ele. Pra saber como andam as coisas com o novo casamento...e contar sobre mim. E ouvi-lo morrer de rir.E ouvir ele me dar bronca e dizer que sou louca de fato.
Odeio quando ele some assim. Hunf.

Tirando isso...estou feliz!
Meu coração fotográfico foi presenteado com um convite muito legal e só posso mesmo agradecer ao Dé por ter se lembrado de mim.

Segunda?? Será dia de festa! Literalmente.
Ansiosa também.Mas feliz.

O administrador?
As coisas estão caminhando.
Caminhando bem....eu acho.

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Feriado - 7 de setembro




Feriado.
Foi muito bom.

Só coisas legais aconteceram.
Fui pro interior. ADORO.

Fui passear e trabalhar.
E as duas coisas me fizeram feliz.

A vida é mesmo interessante e cheia de surpresas.
Conheci tanta gente nova.
E tive tantos bons momentos...mesmo quando as coisas não saiam conforme meu coração desejava.
Sim....foi um feriado surpreendentemente especial e lindo.


Voltei com a cabeça cheia de informações e com o coração cheio de sentimentos.

Hoje deixo Pitty.

"E eu acho que eu gosto mesmo de você
Bem do jeito que você é
Eu vou equalizar você
Numa freqüência que só a gente sabe
Eu te transformei nessa canção
Pra poder te gravar em mim.."

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Feliz dia de chuva!




Não! Não está chovendo aqui.
Mas eu estava pensando em como escrever o que quero escrever.
E não estava encontrando palavras..
Ai novamente....quem me "salvou" foi o post da Lalá.
Ela falou da chuva!
Entendi cada letra do que ela escreveu.

Ela começa citando uma frase:
"A vida não é sobre esperar a tempestade passar. É sobre aprender a dançar na chuva.”
Uau.
É isso!
Tenho vivido isso todo dia. Tenho tentado aprender a viver na chuva...seja ela tempestade,garoa fina,dia nublado ou aquelas tempestades lindas de verão.

E tem dias que é complicado. Não por culpa de ninguém em especial..mas dificil apenas porque sou insegura,porque tenho medos sem fim de uma série de coisas,porque sou louca as vezes...rs
Mas pensando com calma em tudo o que tenho vivido/sentido....não abriria mão de nada.
Tudo é tão novo.E tão diferente.
E tão bom também.
E me vejo....gostando de cada gota de chuva...de cada tempestade vivida..de cada garoa que embaça a vista...

É...eu não abriria mão de nada. Nenhuma gota.
Quero sim...dançar na chuva...andar na chuva...rir e até mesmo chorar na chuva...quero viver cada minuto de felicidade ou pensamentos confusos...
Porque o mais divertido mesmo...é VIVER!

"Chove chuva...chove sem parar!"


Ontem conversei com 3 pessoas que eu adoro.
A Paty eu já falei dela aqui algumas vezes. Amiga que eu amo.Que tem feito minha vida muito mais divertida e feliz. Não tenho nem palavras pra agradecer tantooooo afeto.

Na hora do almoço fui surpreendida com uma ligação do Evandro.Deliciaaaa falar com ele.Rir muito,conversar coisas sérias e planejar!
A distância física em nada diminui meu afeto,meu carinho e minha torcida para que ele seja imensamente feliz.

A noite. Mesmo virtualmente fui presenteada com um papo ótimo com a Mari.
As pessoas tem tantos lados...são tão diferentes umas das outras...e de repente nos deparamos com "pessoas diferentes mas tão iguais". Bom demais...trocar idéias,experiencias,sentimentos,músicas e além de tudo rir muito com as experiencias malucas dela no Rio de Janeiro.

Pra fechar a noite. Ainda falei com o administrador. E só posso repetir que sempre me faz bem. Sempre me acalma.Sempre me dá a segurança que eu preciso ter.
Louco isso né?
No meio de todos os meus surtos....ser presenteada com a calma e a paz dessa pessoa rara.

O parque? Em obras.
E acho que vai mesmo ser demolido.
Planos pra novos projetos.

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Silêncio

Hoje é um daqueles dias que quero falar muito mas nada seria capaz de expressar o que to pensando...
Então é melhor o silêncio.

Ando com medo.
De algumas coisas.

Tudo vai bem.
Nada mudou.Quer dizer...mudou sim.
Algumas coisas mudam....
E outras não.
O que será melhor?

**Alias falando em mudança algo mudou hoje...e isso me deixou feliz. Senti meu coração aquecido...
Mas ainda não é o ponto final.Eu espero...

Deixo esse filme que eu adoro.Com essa musica que eu adoro mais ainda.